É o rabo balançando o cachorro

Eu sempre achei esta frase muito boba, mas quando vi esta notícia não consegui pensar em outra coisa.


A pouco mais de dois anos, bandidos invadiram uma loja de veículos em Cuiabá, intimando e assaltando sete pessoas que lá estavam, levando seus pertences como jóias, relógios, celulares, dinheiro e o que mais de valor conseguiram. Porém durante a ação dos bandidos a policia foi acionada e várias guarnições partiram para o atendimento.

Os Bandidos para fugirem da policia roubaram uma caminhonete (no boletim consta uma Hilux de um cliente). A policia saiu em perseguição até que os Bandidos bateram a caminhonete e pararam. Trocaram tidos com a policia e foram presos.



O Ministério publico em uma ação conjunta com a Juizado especial unificado, condenaram todos os policiais envolvidos na perseguição e troca de tiros a pagarem uma indenização de um salário minimo para cada policial a ser destinada aos meliantes, além de prestação de serviços comunitários aos sábados. Não sei o montante que os Bandidos vão receber.


Ai não tem como não pensar na frase. Se a policia prende Bandidos em ação, e são condenados por isso? Não dá nem para balançar o rabo.


Já tínhamos aquele celebre frase da da promotora de Justiça do Paraná Ticiane Louise Santana Pereira, que soltou a pérola que Bandido bom é bandido vivo e com direitos.

É claro que no instinto de auto defesa talvez, ela tenha pronunciado esta blasfêmia, em detrimento da campanha do Bandido bom é bandido morto.

Sinceramente não concordo com nenhuma das duas. pois só consigo colocar na mesma frase as palavras "bom" e "bandido" desse jeito: Bandido não é bom nem morto.


Essa bonita moça, afinal canalhas não tem visual padrão, deve ter esquecido que antes dos direitos que os bandidos possam ter, é necessário considerar que eles tiraram os direitos de outras pessoas, e só estão sendo detidos, julgados e talvez condenados, por que primeiramente tirar o direito de outras pessoas.

Direitos simples como ter o seu carro financiado, que eles roubaram, ou o seu salário do mês na carteira, que eles assaltaram ou mesmo o simples direito de viver, que eles mataram para levar um celular.

A visão desta moça não é equivocada, é puramente maldosa, sádica, de um um nível de desumanidade comparado aos grandes usurpadores da história.


Mas só pra fechar eu gostei muito do pronunciamento do advogado que contradisse a promotora.

veja o vídeo.








Um dos policiais que foram condenados, em sua rede social, fez um desabafo onde conta a história de sua versão. Pode ver isto na internet, é só procurar.

Se a moda pega, vamos ter muitos problemas.


Não dá pra aceitar que pessoas que cometem crimes como opção de vida, prejudicando quem tenta levar a vida honestamente, trabalhando, estudando, pagando suas contas (que está difícil), seja privilégiada pela justiça perante a vitima e policiais que estão fazendo o sei trabalho.


Se houve ou não abuso dos policiais, eles devem ser punidos. Mas jamais pagar indenização aos meliantes. Um dia quem sabe teremos uma justiça que realmente olhe para todos os envolvidos.

A justiça é cega, já deu, desculpa, mas o entendimento deveria ser outro.



inicial.jpg
eneagrama.jpg
consultas.jpg
livros.jpg
curso.jpg
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now